clean-5

Touros e Região

Em geral

Politica

DICAS DE BELEZA

famosos

TV

» » MEC abre inscrições para o 'Sisu do ensino técnico'


O Ministério da Educação abriu nesta terça-feira (6) as inscrições para o Sistema de Seleção Unificada para Cursos Técnicos (Sisutec), que disponibilizará 239.792 vagas gratuitas para cursos técnicos e profissionalizantes no segundo semestre deste ano. Participam do programam 586 institutos federais de educação, ciência e tecnologia, instituições do Sistema S de ensino, escolas técnicas das redes estaduais e universidades. As inscrições, que vão até o dia 12 deste mês, devem ser feitas no site sisutec.mec.gov.brPodem participar do Sisutec alunos que realizaram a edição de 2012 do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Das vagas disponíveis, 85% estão reservadas para alunos que cursaram o ensino médio em escolas públicas ou particulares na condição de bolsistas integrais.
No ato da inscrição, cada candidato poderá optar por até dois cursos.
O ministro da Educação, Aloísio Mercadante, afirmou que o Sisutec é uma oportunidade para o Brasil desenvolver o ensino técnico no Brasil. "É uma forma de oferecermos mais uma oferta na linha profissionalizante. Historicamente, o Brasil não desenvolveu o ensino profissionalizante.Nós estamos correndo atrás do tempo que nós perdemos. " No dia 14 de agosto, o Ministério divulgará os candidatos aprovados em primeira chamada. Para esses candidatos, a matrícula será nos dias 15 e 16. Os aprovados em segunda chamada serão divulgados no dia 19, e a matrícula deverá ser feita no dia 20. As aulas iniciam entre 22 de agosto e 21 de outubro, e os cursos terão duração de um a dois anos.
Para Mercadante, o programa é voltado para "pessoas que querem continuar estudando e não obtiveram nota para ingressar nas universidades".
Segundo o ministro, dos quase 7 milhões de inscritos para o Enem no ano passado, apenas 1,2 milhão ingressaram em universidades. "Daí a importância do Sisutec. Criar vagas para aqueles quase seis milhões de candidatos que querem estudar."
As áreas com mais cursos disponíveis são a de Tecnologia da Informação, Saúde, Indústria e Turismo. Ainda não se sabe quanto o governo federal irá gastar com o programa, mas o ministro Mercadante estima que será "menos do que com os alunos no Pronatec".

Genubia Soares

Radialista - DRT/RN 1.383,blogueira.Busco atualizar o meu conhecimento quanto ao que acontece no dia a dia para com qualidade repassar aos demais interessados .
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Touros em Destaque